Uma das produções cinematográficas mais aguardadas pelos fãs da DC Comics, acaba de ganhar sua data de estreia nos cinemas. Besouro Azul deve chegar no dia 18 de agosto de 2023 nos Estados Unidos.

Na verdade, o longa estrelado por Xolo Maridueña (Cobra Kai), marca uma mudança nos planos da Warner Bros, que inicialmente planejava lançar o seu primeiro super-herói latino, diretamente no catálogo do HBO Max.

Segundo informações trazidas pelo The Wrap, o filme passou a integrar a lista de futuros lançamentos do estúdio que irá para os cinemas, ao lado de “Last Train to New York“, programado para abril de 2023, e a animação “Toto“, agendada para fevereiro de 2024.

Até pouco tempo atrás, o Besouro Azul era um personagem desconhecido do grande público, mas parece ter ganhado muitos fãs, depois de sua participação na série animada Young Justice, criada por Greg Weisman e Brandon Vietti para o Cartoon Network.

Besouro Azul
Imagem: Besouro Azul/ Justiça Jovem

Leia mais:

Jaime Reyes é um jovem de origem latino-americano que vive em El Paso, no estado do Texas. Durante sua adolescência, ele entra em contato com o Escaravelho, um poderoso artefato alienígena que acaba se fundindo à sua espinha dorsal.

Ao ser escolhido, Jaime recebeu uma armadura que lhe garante diversos poderes, como super força, voo, armamentos, fator de cura, super inteligência e telepatia. Além disso, ele também pode conversar com o Escaravelho em suas costas.

Jaime Reyes apareceu pela primeira vez, durante os eventos da minissérie “Crise Infinita” (2005-2006), mas com o passar dos anos ele se tornou tão popular entre os leitores, que acabou ganhando um título próprio em 2011.

De lá pra cá, o personagem já fez parte de diversos grupos importantes dentro do universo da DC . Dentre eles, podemos citar os Jovens Titãs, os Renegados, e até mesmo a Liga da Justiça, durante a saga “Injustice: Deuses Entre Nós“.

Quanto às animações, além da participação em “Justiça Jovem“, Reyes já foi parceiro do Batman em “Bravos e Destemidos“, e esteve em “Liga da Justiça vs. Jovens Titãs“, “Jovens Titãs: O Contrato de Judas” e “Liga da Justiça Sombria: Guerra de Apokolips“.

Besouro Azul
Imagem: Besouro Azul/ DC Comics

No campo dos games, o Besouro Azul é um personagem jogável de “Injustice: Deuses Entre Nós 2“, e na TV ele marcou presença no clássico seriado “Smallville“, em meados de 2011, sendo interpretado pelo ator Sebastian Spence.

O filme solo do herói foi confirmado pela Warner Bros. recentemente, e além de Xolo Maridueña como protagonista, contará ainda com roteiro escrito por Gareth Dunnet-Alcocer (“Miss Bala” – 2019), e com a direção de Angel Manuel Soto (Charm City Kings – 2020).

Ao que tudo indica, o longa dará foco na história de origem Jamie Reyes, mas também contará com o personagem Ted Kord, que foi o Besouro Azul antes do garoto se conectar com o Escaravelho.

Aparentemente Kord será como uma espécie de mentor para Reyes, assim como a relação que Hank Pym e Scott Lang compartilharam nos filmes do Homem-Formiga do Marvel Studios. Contudo, até o momento nenhum ator foi cotado para o papel.

Outra informação a que já tivemos acesso, é que vilões serão do filme serão uma orda de alienígenas insetoides cibernéticos, conhecida como “A Trincheira“, que nas HQ’s da DC Comics, estão diretamente associados à criação dos Escaravelhos.

Com isso, podemos especular que o longa deverá fazer menções ou até mesmo ser como uma espécie de história de origem dos Besouros Azuis.

Para quem quiser conferir a participação do Besouro Azul em Justiça Jovem, as duas primeiras temporadas da série animada se encontram disponíveis no catálogo de uma das gigantes do Streaming, a Netflix.

E aí aficionado, o que achou de saber que o filme do Besouro Azul protagonizado por Xolo Maridueña irá estrear nos cinemas americanos em agosto de 2023?

Deixe sua opinião nos comentários e acompanhe o conteúdo preparado pela equipe Proddigital POP para continuarmos juntos na jornada do crescimento!

Seja avisado
Me avise sobre
guest
0 Comentários
Comentários de trechos do post
Ver todos os comentários