Cobra Kai chegou para reacender a antiga rivalidade entre Johnny Lawrence (William Zabka) e Daniel LaRusso (Ralph Macchio), que teve início no primeiro longa da aclamada franquia Karatê Kid.

A série aborda a vida dos personagens clássicos através de perspectivas diferentes, e de quebra, ainda apresenta uma nova geração cheia de gás, que adora uma boa briga.

Johnny Lawrence, foi retratado como um valentão sem escrúpulos no filme de 1984, mas os anos se passaram e ele acabou se tornando um homem frustrado e infeliz, enquanto Daniel Larusso se deu bem nos negócios e constituiu uma bela família.

Somente com essa pequena sinopse, já é possível perceber como a vida deu muitas voltas, uma vez que na época do colégio, Johnny era um visto como um garoto mimado de família rica, enquanto Larusso morava de aluguel com sua mãe solteira.

Cobra Kai - Divulgação 2
Imagem: Cobra Kai/ Divulgação

A história de Cobra Kai foi criada por Jon Hurwitz, Hayden Schlossberg e Josh Heald e produzida pela Sony Pictures Television. A série foi exibida primeiramente pelo YouTube e não chegou a fazer muito barulho por lá.

Em 2019 o Youtube Premium já havia anunciado a terceira temporada, mas o sucesso com a chegada da série no catálogo da Netflix foi além do que se esperava, e o resultado disso foi a rápida confirmação de uma quarta temporada, para nossa alegria.

Cobra Kai é ambientada no universo de Karatê Kid e se passa 34 anos depois do primeiro filme da franquia, sendo uma continuação direta dos eventos do longa original que foi lançado em 1984 e teve 3 sequências.

A série se tornou uma das maiores sensações na plataforma, graças ao extremo cuidado que os criadores tiveram em respeitar o legado deixado pelo filme original, além de trazer novos temas e uma leveza singular para a trama.

Sem contar o fato de que Cobra Kai conta com vários easter-eggs e fan-services feitos especialmente para os fãs que assistiram aos longas na época de seus lançamentos, fazendo com que a experiência seja realmente emocionante.

Outro ponto importante, é que a série aborda uma discussão que vai muito além da rivalidade entre os protagonistas.

A maneira como as questões sociais e o modo como os jovens são educados nos dias atuais é confrontada pelo olhar daqueles que viveram sem a internet, os celulares e as facilidades eletrônicas.

Além disso, é fácil notar que há um respeito muito grande pela história de Karatê Kid por parte dos criadores da série.

Cobra Kai/ Divulgação
Imagem: Cobra Kai/ Divulgação

Mesmo diante das novas e relevantes questões que são abordadas, não se passa por cima da essência do que já foi construído e dos conceitos originais da franquia.

Dentre todas as coisas boas que poderíamos falar sobre Cobra Kai, talvez um de seus maiores méritos, seja o fato de que ela pode ser acompanhada por toda a família reunida na frente da TV.

Poucas produções atuais conseguem atingir um nível tão alto de qualidade, com a leveza que existe nesta aclamada série, que atualmente se encontra disponível no catálogo da Netflix.

O legado de Karatê Kid

Na trama do clássico Karatê Kid, o jovem Daniel Larusso interpretado por Ralph Macchio e sua mãe vivida por Randee Heller se mudaram recentemente para a região do Vale de São Fernando, no sul da Califórnia.

Daniel não consegue se ambientar em sua nova escola e deseja ter sua antiga vida de volta.

Isso até conhecer a jovem Ali Mills que é interpretada pela atriz Elisabeth Shue (TheBoys), uma garota muito atraente e popular, que também demonstra ter os mesmos sentimentos por ele.

karatekid
Imagem: Karatê Kid de 1984/ Reprodução

Tudo parece estar indo bem, mas a situação de Larusso se complica quando o ex-namorado de Ali, Johnny Lawrence vivido por William Zabka, percebe que sua antiga namorada está vivendo um novo relacionamento.

Ele e seus amigos valentões começam a fazer um verdadeiro inferno na vida do casal, uma vez que são muito bons lutadores e treinam no Cobra Kai Dojô, comandado pelo impiedoso mestre John Kreese (Martin Kove).

Um dia, quando é cercado pelos amigos de Johnny, Daniel é salvo pelo sábio Kesuke Miyagi (Pat Morita), um velho mestre de caratê.

Disposto a ajudar Larusso, o senhor Miyagi resolve passar-lhe os ensinamentos de sua arte marcial, para que o garoto possa se defender de Johnny e sua gangue.

O filme se tornou um grande sucesso nas décadas de 80 e 90 e com certeza tem seu merecido espaço no coração dos amantes da cultura POP.

Quem não se lembra das técnicas de artes marciais desenvolvidas pelo Senhor Miyagi, envolvendo várias atividades cotidianas, como encerar o carro ou mesmo ao pintar uma cerca.

Pat Morita recebeu uma indicação como melhor ator coadjuvante no Oscar daquele ano por conta de seu papel, além de ser indicado na mesma categoria ao Globo de Ouro.

Karatê Kid está classificado como 31º na lista da Entertainment Weekly, que elege os 50 melhores filmes com temática High School e mantém 90% de aprovação no Rotten Tomatoes.

Pat Morita
Imagem: Pat Morita/ Karatê Kid- 1984

Infelizmente, Pat Morita faleceu aos 73 anos por causas naturais, no dia 24 de novembro de 2005, em sua casa que fica na cidade de Las Vegas. Fica aqui nossa homenagem a esse grande ator, que deu vida a um ícone da cultura POP.

A continuação de Karatê Kid em Cobra Kai

Cobra Kai chega para mostrar que a história de Karatê Kid pode ser abordada sob outras perspectivas, e ainda trazer novos elementos para o universo da franquia.

Os eventos do filme original são contados a partir do ponto de vista de Daniel Larusso, e a série por outro lado, consegue demonstrar como as coisas se passavam pelo olhar de Johnny Lawrence.

Desta vez, conseguimos também entender como Johnny foi impactado pelo resultado do torneio em que foi derrotado por Daniel.

Fato este, que o fez deixar sua carreira nos tatames de lado e se tornar uma pessoa frustrada sem objetivos e sem perspectivas.

O protagonista da série nos dias atuais, é um homem de meia idade divorciado e desempregado que mora na periferia e tenta sustentar sua vida regada a muita cerveja barata.

Cobra Kai
Imagem: Johnny Lawrence/ Cobra Kai

Uma das poucas coisas boas que ele ainda possúi é seu automóvel Pontiac Firebird dos anos 80, que também já não é o mesmo de antes.

Mas Johnny vê sua vida se transformar, quando conhece o jovem Miguel Diaz que estava sendo espancado por Kyler e seus amigos do colégio.

O ex-lutador usa suas habilidades para ajudar o garoto a se livrar dos valentões e mesmo relutante acaba se tornando o novo sensei do garoto.

Mesmo tendo apenas um aluno, Johnny resolve reabrir o antigo Cobra Kay Dojo para treinar outros jovens que sofrem com os abusos e o Bullying feito pelos estudantes mais populares na escola.

Larusso no entanto, ao contrário de seu rival, é bem sucedido financeiramente e dono de uma concessionária, além de ter orgulho em ostentar sua família “perfeita”.

Ao longo dos anos, os dois personagens se afastaram do karatê, pendurando os quimonos e deixando as competições de lado.

Como um presente pela satisfação de cada cliente, Daniel sempre lhes presenteia com um belo bonsai, que na verdade, representa a fidelidade entre eles.

Contudo, ele entrará em “choque” quando descobrir que Johnny reabriu o Cobra Kai Dojo, pois teme que o antigo rival treine uma nova geração de valentões, como aqueles que precisou enfrentar em sua juventude.

Cobra Kai
Imagem: Cobra Kai/ Reprodução

Um ponto alto e outro grande acerto da segunda temporada da série, é o retorno de Martin Kove ao papel do temido sensei John Kreese.

Assim como no filme original, a presença do ator em tela é sempre ameaçadora, e sua volta, com certeza representa um novo desafio na jornada de amadurecimento de Johnny Lawrence e Daniel Larusso.

A nova geração apresentada em Cobra Kai

Cobra Kay trouxe novos personagens para continuar o legado dos mestres Myagi e Kreese na série.

O elenco jovem é um espetáculo à parte e faz com que a trama seja mais leve e envolvente ao mesmo tempo.

A rivalidade entre Daniel e Jonny ficará mais acirrada quando Larusso começar a treinar Robby, o filho de Lowrence, como seu novo aluno de karatê.

O personagem é interpretado por Tanner Buchanan que faz parte da nova geração trazida para compor o universo de Karatê Kid.

Robby vive com sua mãe e sofre pela ausência paterna, uma vez que Johnny é um pai ausente.

Robby
Imagem: Robby/ Cobra Kai

O jovem herdou a arrogância, rebeldia e a teimosia do pai e acaba se envolvendo com más influências que o levam ao mundo das drogas e de outros crimes.

Além de Buchanan, quem se destaca muito na série é o ator Xolo Maridueña que interpreta o primeiro aluno da nova fase do Cobra Kay Dojo, o jovem Miguel Diaz.

Assim como Daniel Larusso, Miguel acaba de se mudar da sua antiga cidade e também vem de uma família humilde.

Ele precisa lidar com Kyler e seus amigos, que insistem em persegui-lo por onde quer que ele vá. O garoto então se vê obrigado a aprender artes marciais para não ser mais humilhado pelos valentões da escola.

Maridueña é muito carismático e consegue transmitir toda a inocência e leveza que o personagem precisa.

O ator também trabalhou na série de TV Parenthood, onde interpretava o pequeno Vitor Graham, filho adotivo do casal Julia e Joel Graham.

Ao perceber o quanto Johnny é talentoso na arte do karatê, Miguel não tem dúvidas de que ele precisa ser seu mentor nessa jornada.

Dessa maneira começa a relação entre os dois, com Johnny Lowrence o ajudando a superar suas fraquezas e a encarar seus medos para assim se tornar um verdadeiro Cobra Kai.

Johnny e Miguel
Imagem: Johnny e Miguel/ Cobra Kai

A atriz Mary Mouser é outra boa aposta da série no elenco juvenil, fazendo o papel de Samantha “Sam” LaRusso, a filha mais velha de Daniel.

Ela é uma garota doce e simpática que foi treinada pelo pai no karatê desde pequena, mas também acabou se afastando do esporte depois de crescida.

Sam acaba ficando amiga do novato Miguel, e quando ele enfrentar a gangue de Kyler, que vêm espalhando mentiras sobre ela, o garoto ganhará de vez a confiança da herdeira de Larusso.

Não podíamos deixar de falar sobre Nichole Brown que faz o papel de Aisha Robinson. Ela se mostrou uma excelente atriz e dona de um carisma incrível, ganhando vários fãns durante as duas temporadas que esteve na série.

Aisha representa dois grupos de pessoas que infelizmente ainda são muito discriminadas nas escolas e em outros ambientes frequentados por adolescentes.

Além de ser negra, ela ainda sofre com as brincadeiras a respeito de seu peso, e após ser vítima de cyber-bullying, a garota resolve procurar o Cobra Kay Dojo para aprender se defender.

Infelizmente Nichole Brown foi dispensada das filmagens da terceira temporada, uma vez que parte dela se passa no Japão.

A atriz possui alguns problemas de saúde que a impossibilitam de realizar a mudança, e por isso a produção achou melhor que ela se afastasse das gravações.

Miguel e Aisha - Cobra Kai
Imagem: Miguel e Aisha – Cobra Kai/ Reprodução

Estamos na torcida para que ela de alguma forma retorne ao papel nas próximas temporadas, pois se mostrou uma das melhores atrizes na nova geração da série.

Sua personagem ganha um crescimento significativo, a medida em que evolui de uma garota que sofria bullying para alguém que confia em si mesmo.

Cobra Kai existe graças a “How I Met Your Mother”?

Cinco anos antes da estreia de Cobra Kai no YouTube Premium, os atores William Zabka e Ralph Macchio participaram como versões fictícias de si mesmos na oitava temporada de How I Met Your Mother.

No clássico episódio, o personagem Barney Stinson insinuava que Johnny Lawrence era um herói incompreendido, enquanto Daniel LaRusso era o verdadeiro vilão de Karatê Kid e que sua vitória no Campeonato de Karatê do Valley, seria graças a um chute ilegal.

How i met your mother - Reprodução
Imagem: How I Met Your Mother/ Reprodução

O YouTube encomendou oficialmente a série Cobra Kai em 2017, com Zabka e Macchio reprisando seus papéis, reacendendo a antiga rivalidade que seria transferida para uma nova geração de estudantes de artes marciais.

Muito se falou na época que o projeto produzido nos estúdios da Sony Pictures Television teria sido fortemente influenciado pelo episódio de How I Met Your Mother em que Johnny e Daniel ficavam frente a frente.

Para os criadores e showrunners da série Cobra Kai, as participações de Zabka e Macchio no famoso sitcom, assim como suas aparições em outras mídias, não foram necessariamente influências diretas.

Mas certamente os episódios de How I Met Your Mother serviram como uma espécie de “gancho”, pois indicavam que a franquia ainda tinha seu espaço na cultura POP e também no coração dos fãs.

Confira abaixo a declaração de Josh Heald:

“Todas essas coisas apenas nos animaram um pouco quando estávamos concebendo o programa e comparando as histórias para apresentar o programa, porque nos fez sentir confiantes de que não éramos os únicos, e não pensávamos que éramos, mas foi bom ver outros criadores tendo Karate Kid em mente. ”

E aí aficionados, o que acharam de todas essas informações e curiosidades sobre a série Cobra Kai da Netflix? Deixe sua opinião pra gente nos comentários e continue aproveitando nosso conteúdo!!!

Seja avisado
Me avise sobre
guest
0 Comentários
Comentários de trechos do post
Ver todos os comentários