À Procura da Felicidade não é só uma lição de vida, mas sim uma história de superação e coragem que nos ensina onde uma pessoa pode chegar quando se dedica e acredita em seus sonhos e ideais.

Nem sempre é fácil alcançar os objetivos almejados. Os desafios e obstáculos a qual nos deparamos todos os dias, são capazes de nos esgotar ao ponto de perdermos as forças e desistirmos na metade do caminho.

Mas essa temática não se aplica a Chris Gardner que aos 28 anos se encontrava sem emprego, pai solteiro e sem lugar para morar, com a pequena diferença de que seu filho na época tinha apenas um ano e não e cinco como é mostrado no filme.

A história de Chris Gardner 

chris gardner arquivo
Imagem: Chris Gardner/ Arquivo Pessoal

Chris Gardner é um empresário e investidor norte-americano, fundador  e CEO da Gardner Rich & Co, que além disso ainda atua como escritor e palestrante. Chris saiu da extrema pobreza vivendo na rua e em abrigos, para hoje ser dono de uma fortuna que pode chegar a casa dos US$ 600 milhões.

A infância de Gardner foi marcada pela ausência do seu pai, sendo que era obrigado a conviver com o padrasto que abusava fisicamente de sua mãe e seus irmãos.

Chris conheceu a primeira esposa Jackie Medina no Hospital Geral de San Francisco e com ela teve dois filhos, Christopher e Jacinta (gerada quando o casal já tinha se separado). Jackie pressionava duramente seu marido para que arrumasse um emprego que pudesse quitar suas dívidas.

Um dia ao ver uma Ferrari estacionada, Gardner questionou seu dono sobre como era possível chegar ao mesmo patamar financeiro. Aquele homem era Bob Bridges e através dele, Chris iria descobrir que para atuar no mercado financeiro não era necessário ter um curso universitário, mas seria possível através dos programas de estágio.

Chris Gardner Ferrari
Imagem: A Procura da Felicidade/ Reprodução

Bridges era um corretor bem sucedido e viria a indicar Gardner para varias entrevistas. Depois de muitas negativas, Chris conseguiu ingressar na Dean Witter que seria sua porta de entrada no mercado de ações.

Certo dia sua ex-esposa Jackie apareceu com Christopher no colo e uma bolsa contendo instruções de como cuidar do menino. Chris então sem conseguir dar o sustento ideal ao seu filho se vê obrigado a morar na rua a fim de economizar  e consegui pagar a refeição do garoto e as passagens de metro até o trabalho.

Em entrevista ao site InfoMoney o empresario relatou:

“A coisa mais difícil era o cuidado com o bebê. Eu tinha que sair todos os dias, deixa-lo aos cuidados de uma pessoa que eu não conhecia e torcer para ele estar vivo no final do dia”.

Depois de participar de uma entrevista no programa 20/20 da emissora ABC em 2002 o empresário teve a ideia de escrever uma autobiografia, pois percebeu que sua história tinha o potencial para se tornar uma produção hollywoodiana. Em 2006 o livro foi publicado.

A adaptação para o cinema

The Pursuit of Happyness ou À Procura da  Felicidade é um filme de 2006, que traz a adaptação da autobiografia escrita por Chris Gardner, porém o longa tem algumas diferenças de roteiro quando comparado ao enredo original do livro.

Eventos que ocorreram ao longo de vários anos foram compactados, além disso Cristopher é retratado como tendo cinco anos de idade, quando na realidade era um bebê de apenas quatorze meses na época dos acontecimentos.

Uma curiosidade é que Chris Gardner  faz uma breve aparição no final do filme, apesar de seu nome não estar nos créditos.

A procura da felicidade
Imagem: A procura da Felicidade/ Reprodução

Veja mais análises sobre filmes baseados em fatos reais:

O longa foi lançado em 2006 e conta com a direção de Gabriele Muccino (O Último Beijo- 2001) e com roteiro de Steve Conrad (Extraordinário- 2017), sendo inspirado no livro The Pursuit of Happyness escrito pelo próprio Chris Gardner em parceria de Quincy Troupe.

Um fato interessante é que a escrita  errada da palavra Happyness onde o correto seria Happines vem do desenho feito no mural da creche frequentada por Cristopher, o filho de Gardner.

À Procura da Felicidade foi lançado pela Columbia Pictures sendo estrelado por Will Smith que recebeu indicações ao oscar em 2007 e ao Globo de Ouro no mesmo ano como melhor ator.

Inicialmente Chris Gardner não foi muito receptivo com a escolha de Will Smith para o papel principal, mas sua filha Jacintha o convenceu com a seguinte frase:

 “Se Smith consegue interpretar Muhammad Ali, ele pode interpretar você!”

Além de Will Smith o longa ainda conta com a atuação de seu filho Jaden Smith (Depois da Terra-2013) no papel de Cristopher e também da premiada atriz britânica Thandie Newton (Crash: No Limite- 2004) vivendo a ex-esposa de Gardner, Jackie Medina.

A procura da felicidade
Imagem: A Procura da Felicidade/ Reprodução

Sucesso de crítica e bilheteria

O filme foi considerado um sucesso, saindo de um orçamento de US$ 55 milhões para uma receita de mais de US$ 307 milhões nas bilheterias do mundo todo.

A crítica especializada também avaliou a produção positivamente. O conceituado Rotten Tomatoes chegou ao consenso de que a atuação sincera de Will Smith elevava o longa à um patamar acima de ser simplesmente um melodrama.

Linda Chavez do instituto Center for Equal Opportunity, escreveu sobre o filme:

“este filme fornece o antídoto perfeito para Wall Street e outros diatribes de Hollywood que retratam o mundo das finanças cheio de nada além de ganância”

Dentre outras coisas À Procura da Felicidade é uma comovente história de superação que nos leva a refletir sobre como podemos lidar com nossos próprios medos e obstáculos. As dificuldades não podem ser responsáveis pela desistência da busca por um sonho.

Chris Gardner saiu do absoluto zero para conquistar uma mega fortuna e um legado incrível de luta e persistência. Alguns podem dizer que se trata de sorte mas o fato é que o trabalho duro e a crença em um futuro próspero, sempre fizeram parte da personalidade do empresário.

Gardner doou cerca de US$ 50 milhões para um projeto social criado por Cecil Williams que o ajudou em tempos difíceis. O empresário sempre vai à África e sua rotina hoje se divide entre os negócios e suas palestras motivacionais onde conta a história de sua vida.

Seja avisado
Me avise sobre
guest
0 Comentários
Comentários de trechos do post
Ver todos os comentários