Emma Stone, a protagonista do filme Cruella que estreou em 03 de junho deste ano, está cogitando processar os estúdios Disney pelo lançamento do filme na plataforma de streaming Disney+.

Segundo Matt Belloni (ex-editor do THR), a atriz está pensando seriamente sobre o assunto, após vir a público, a notícia de que Scarlett Johansson decidiu entrar com uma ação contra a empresa, via ScreenRant.

A história da origem da vilã, estreou simultaneamente nos cinemas e no serviço de streaming em 28 de maio, utilizando o recurso Premier Access, da mesma forma que “Mulan” e  “Raya e o Último Dragão”.

Embora Cruella tenha feito um enorme sucesso, tanto por parte do público como pela crítica, os números das bilheterias foram extremamente decepcionantes.

Emma Stone
Imagem: Cruella/ Reprodução

Muitos acreditam que o lançamento do híbrido, em parte, tenha sido o grande responsável pelos resultados negativos alcançados nas salas de cinema.

O mais recente blockbuster da Disney a fazer uma estreia dupla, foi o tão aguardado filme solo da Viúva Negra, que serviria como uma espécie de despedida para Scarlett Johansson no UCM.

Embora o longa da Marvel tenha apresentado bons números no final de semana de estreia, tendo em vista que se trata ainda de um período de pandemia, a arrecadação com o passar das semanas, também não chegou nem perto do que se esperava.

Scarlett Johansson entrou com um processo contra a Disney, citando que o lançamento de Viúva Negra diretamente no Disney+ pelo Premier Access, se trata de uma quebra de contrato.

O grande problema das estreias simultâneas nos cinemas e no streaming é a questão da remuneração de suas estrelas, que em muitos casos, ganham um percentual sobre a receita dos filmes nas bilheterias.

Viúva Negra
Imagem: Viúva Negra/ Divulgação

O estúdio por outro lado, alega que aderiu totalmente à todas as estipulações do contrato da atriz. Em uma possível tentativa de driblar as declarações da atriz, o comunicado divulgado pelo estúdio, ainda diz que seu salário não foi prejudicado, mas aumentou.

Matt Belloni também cita o nome de Emily Blunt como outra atriz que possivelmente irá se manifestar a respeito, após a estreia do filme “Jungle Cruise” no dia 29 de julho, onde ela atua ao lado de Dwayne “The Rock” Johnson.

O longa era muito esperado e também se utiliza da mesma forma híbrida de lançamento nos cinemas e no Disney+. Mas vale lembrar que para ter acesso a qualquer um desses novos títulos, além da assinatura de R$ 27,9 ao mês, ainda é necessário pagar uma taxa de R$ 69,90.

Contudo, atualmente o filme Cruella, protagonizado por Emma Stone, está disponível no catálogo da plataforma de streaming para os assinantes, sem a necessidade de se utilizar o serviço Premier Access.

O longa conta com a direção de Craig Gillespie (“Eu, Tonya”– 2018), com roteiro escrito por Dana Fox (“The Wedding Date”- 2005)  e Tony McNamara (“A Favorita”- 2018).

Além de Stone vivendo a protagonista do filme, o elenco ainda tem as participações de Emma Thompson, Joel Fry, Paul Walter Hauser, Emily Beecham e Mark Strong.

E aí aficionado, o que achou dessa bomba no mundo dos astros de Hollywood? Deixe sua opinião nos comentários e continue conferindo as notícias e análises do Proddigital POP para ajudar nossa equipe a continuar crescendo!

Seja avisado
Me avise sobre
guest
0 Comentários
Comentários de trechos do post
Ver todos os comentários