Logo da empresa Rockstar Leeds
Rockstar Leeds - Divulgação
Fundação:1997
SedeLeeds, Reino Unido
FundadorGordon Hall, Jason McGann e Dave Box.
Atuais donosRockstar Games (propriedade da Take-Two Interactive)
Países que operaPrincipalmente no Reino Unido, contribui globalmente com a Rockstar Games
O que ofereceDesenvolvimento de jogos para dispositivos portáteis, como Grand Theft Auto e outros títulos da Rockstar Games

A Rockstar Leeds, antiga Mobius Entertainment, é um dos principais estúdios de desenvolvimento da Rockstar Games. Além de ter participado de diversas produções em conjunto com os demais estúdios da empresa, ela se notabilizou por suas obras focadas nos consoles portáteis, como os títulos originais da franquia GTA, Grand Theft Auto: Liberty City Stories” e “Grand Theft Auto: Vice City Stories”.

Neste artigo, você vai ter a chance de conhecer mais a fundo a história da desenvolvedora, partindo desde antes de sua criação, enquanto Mobius, até seu papel atual. Além disso, conhecerá os seus principais jogos. Acompanhe!

Quando a Rockstar Leeds foi fundada?

O estúdio foi fundado em dezembro de 1997, na região de Stanningley, Pudsey, no distrito de Leeds, Inglaterra. Na época, é claro, ela nasceu como Mobius Entertainment.

Quem são os fundadores da Rockstar Leeds?

Por trás da fundação da desenvolvedora estiveram os programadores/designers Jason McGann, Gordon Hall, Dave Box e Ian J. Bowden, que eram ex-integrantes do estúdio Hookstone.

Quem são os atuais proprietários da Rockstar Leeds?

Atualmente, é claro, a Rockstar Leeds é um dos estúdios da Rockstar Games, pertencente à Take-Two Interactive. Seu nome, aliás, diz respeito ao local de sede da desenvolvedora, que fica em Leeds, West Yorkshire, Inglaterra.

O que a Rockstar Leeds oferece?

Como mencionado, a Rockstar Leeds é um estúdio de desenvolvimento de jogos. Desde sua atuação como Mobius Entertainment o foco principal da marca, e sua especialidade, foi a criação de jogos para consoles portáteis.

Através dela nasceram diversos títulos voltados para o Game Boy Advance e para o Playstation Portable. E isso inclui desde adaptações, como “High Heat Major League Baseball 2002”, “Army Men: Turf Wars”, “Drome Racers” e “Midnight Club 3: DUB Edition Remix”, quando títulos originais, como “Grand Theft Auto: Liberty City Stories”.

Outro ponto importante é que a desenvolvedora trabalha bastante também presentando apoio a outros estúdios da Rockstar ou a própria Rockstar Studios, no caso da criação de projetos “coletivos”.

Um pouco da história do estúdio

Anos iniciais: a fundação da Mobius Entertainment

Assim como praticamente todos os estúdios atuais da Rockstar Games, a Rockstar Leeds também surgiu através de uma desenvolvedora independente, a Mobius Entertainment. Mas, para entender como Jason McGann, Gordon Hall, Dave Box e Ian J. Bowden fundaram a desenvolvedora, é preciso partir de um pouco antes dessa data de criação (1997).

Jason McGann trabalhava na Enigma Variations, mas saiu no início de 1990, juntamente com Peter Tattersall, após o programador Mark Mason ser demitido. Juntos, os três criaram a Twilight, baseada na mesma região de sua antiga empregadora, em Harrogate, North Yorkshire, Inglaterra. Dave Box foi um dos primeiros empregados do estúdio.

Foi a Twilight quem desenvolveu o jogo Alfred Chicken (publicado pela Mindscape em 1993), mas após isso McGann e Tattersall deixaram a empresa e criaram um outro estúdio em 1994: Hookstone. O que restou da Twilight transferiu os direitos da Alfred Chicken para o novo empreendimento. Gordon Hall e Ian J. Bowden foram contratados logo em seguida.

Apesar de ser um programador, Hall tinha um olhar apurado para o lado dos negócios, e percebeu que a Hookstone não sobreviveria muito tempo, e isso levou a necessidade da fundação de uma outra marca. Foi assim que em 1997 o grupo de fundadores criou a Mobius Entertainment, originalmente sediada em Stanningley, Pudsey, no distrito de Leeds, Inglaterra.

Primeiros títulos da Mobius e foco no Game Boy Advance

O começo do estúdio foi bem difícil, e a Mobius optou por se manter em uma equipe pequena focada em jogos portáteis. O primeiro projeto lançado foi justamente um remake do jogo Alfred Chicken, e chegou ao mercado já no ano 2000. “Alfred’s Adventure” foi publicado pela SCi no Game Boy Color. Em 2002, um remake da obra também foi lançado no Playstation.

Contando com a edição da The 3DO Company, a Mobius Entertainment desenvolveu ainda versões de alguns jogos para o Game Boy Advance, a exemplo de “High Heat Major League Baseball 2002”, “High Heat Major League Baseball 2003” e “Army Men: Turf Wars” (2002). Outras versões para o console portátil da Nintendo foram de “Drome Racers” (2003), “Bionicle: The Game” (2003), “Barbie Horse Adventures: Wild Horse Rescue” (2003), “American Idol” (2003) e “A Sound of Thunder” (2004).

O projeto mais relevante, considerando a história da empresa, veio também com uma dessas versões para o GBA. Isso porque o estúdio ficou com o projeto de adaptação de “Max Payne” (2003), marcando o início da sua relação com a Rockstar Games.

Aquisição pela Rockstar Games: o nascimento da Rockstar Leeds

O foco da Mobius no mercado portátil fez a empresa pensar em como o mercado iria se comportar dali para frente. Assim, em 2002, teve a ideia de criar um motor de jogo de alto desempenho.

A preparação da empresa deu super certo, já que quando a Sony lançou o  PlayStation Portable em 2004, o motor de jogo do estúdio possuía especificações muito similares aos do novo dispositivo. A rápida preparação fez muitas empresas tentarem adquirir a Mobius, mas quem saiu na frente foi justamente a Rockstar Games.

A aquisição, é claro, ocorreu através da empresa-mãe da editora, a Take-two, e girou em torno dos US$ 4,549 milhões em dinheiro, sendo efetivada ainda em 2004. A partir desse ponto, a Mobius tornou-se parte da Rockstar Games, transformando-se na Rockstar Leeds.

Lançando jogos como Rockstar Leeds: foco no PlayStation Portable

Agora dentro de um grande grupo, o estúdio alinhou sua especialidade em consoles portáteis com as franquias renomadas da nova empresa-mãe. Os jogos, é claro, foram focados inicialmente no PSP, mas também chegaram em outros consoles, a exemplo do próprio Playstation 2.

O primeiro lançamento ocorreu já em 2005, “Midnight Club 3: DUB Edition Remix”, e foi seguido por “Grand Theft Auto: Liberty City Stories” (2005) e “Grand Theft Auto: Vice City Stories” (2006). Ou seja, embora novata dentro da organização, a Rockstar Leeds chegou de forma bastante expressiva, adicionando jogos originais na principal franquia da Rockstar.

Nos anos seguintes, o estúdio trabalhou ainda em projetos como “Manhunt 2” (2007), “Grand Theft Auto: Chinatown Wars” (2009), “Beaterator” (2009) e “L.A. Noire” (2011). Desde então, tem atuado principalmente como um dos estúdios de apoio dentro da Rockstar Studios, responsável por criar jogos icônicos como “Max Payne 3” (2012), “Grand Theft Auto V” (2013) e “Red Dead Redemption 2” (2018).

Quais são os principais jogos da Rockstar Leeds?

Após mergulhar na história do estúdio, vale a pena se aprofundar também nas produções que marcaram a Rockstar Leeds. São elas:

Alfred Chicken (2002)

O jogo Alfred Chicken é um remanescente da história da Rockstar Leeds desde quando ainda Mobius Entertainment, e que foi desenvolvido originalmente, como já mencionado, em 1993 pela então Twilight. Aqui, a citação vai para o remake de 2002, criado pelo estúdio para o Playstation 1.

Alfred Chicken é um jogo de plataforma que explora os gêneros de ação e aventura. Nele, o jogador assume o papel de um galo chamado Alfred, que trilha seu caminho ao longo dos mais diversos níveis.

Grand Theft Auto: Liberty City Stories (2005)

Grand Theft Auto: Liberty City Stories é o nono título original da série GTA, e foi desenvolvido em parceria com a própria Rockstar North (antiga DMA Design), que é a desenvolvedora principal da obra.

Trata-se de uma prequela de Grand Theft Auto III (2001), utilizando exatamente o mesmo cenário observado em Liberty City. Sua história central é ambientada no ano de 1998 e gira em torno de Toni Cipriani, um mafioso que tenta subir dentro da hierarquia da família Leone, envolvendo-se ainda na disputa pelo poder entre as organizações criminosas.

Lembrando que ele foi criado para o Playstation Portable, mas ganhou conversões também para o Playstation 2, Android e iOS. Em 2013, também chegou para o Playstation 3.

Grand Theft Auto: Vice City Stories (2006)

A décima edição do GTA, Grand Theft Auto: Vice City Stories, também foi desenvolvida pela Rockstar Leeds, em colaboração com a Rockstar North. Ele também chegou exclusivamente para o PSP, mas alcançou outras plataformas posteriormente, como o Playstation 2.

O jogo trata-se de uma prequela de Grand Theft Auto: Vice City e sucede o título anterior, Liberty City Stories. Tudo ocorre em Vice City, no ano de 1984, e traz Victor Vance como sendo um ex-soldado que se envolve com os mafiosos.

Grand Theft Auto: Chinatown Wars (2009)

Grand Theft Auto: Chinatown Wars é outro título de GTA desenvolvido pela Rockstar Leeds. Ele foi lançado inicialmente para o Nintendo DS e depois para o PSP, recebendo ainda versões iOS e Android posteriormente.

Nele, o jogador controla Huang Lee, que é um jovem integrante da Tríade Chinesa enviado a Liberty City. Sua missão inicial é entregar a espada Yu Jian ao seu tio, que lhe é roubada ainda no aeroporto.

Beaterator (2009)

Beaterator trata-se de um mixador de música co-produzido pelo rapper norte-americano Timbaland. O jogo baseia-se numa ferramenta de mixagem e permite aos jogadores produzirem seus próprios loops. Além disso, o usuário também consegue compartilhar as criações com a Comunidade da plataforma.

Red Dead Redemption (2010)

A Rockstar Leeds atuou como um estúdio de apoio no desenvolvimento de Red Dead Redemption, da Rockstar San Diego. O jogo se passa no ano de 1911 e mostra um Velho Oeste completamente em declínio.

John Marston, personagem central da obra, é um antigo fora da lei que se vê obrigado a cumprir as ordens do governo, agindo como um caçador. Sua missão é levar integrantes de uma antiga gangue sua para a justiça.

Tendo uma perspectiva em terceira pessoa e o seu característico mundo aberto, o jogo é bastante interativo, recebendo aclamação da crítica. Foi eleito um dos melhores jogos do ano em 2010.

Max Payne 3 (2012)

Desenvolvido pela Rockstar Studios, a Rockstar Leeds foi uma das marcas que trabalhou na criação de Max Payne 3. O jogo é de tiro em terceira pessoa e a 3ª parte da série, sendo uma sequência direta de Max Payne 2: The Fall of Max Payne.

Nesse caso, tudo se passa 8 anos depois dos eventos mostrados no jogo anterior, com Max Payne vivendo fora do território norte-americano. Agora, ele vive em São Paulo, Brasil, e atua dentro do setor de segurança privada.

Grand Theft Auto V (2013)

A Rockstar Leeds também tem sua parcela de responsabilidade pelo maior sucesso de todo o grupo, Grand Theft Auto V, um dos principais jogos da história. Para se ter uma ideia, ao lado de ícones como Minecraft e Tetris ele é um dos títulos mais vendidos do planeta. Lembrando que a desenvolvedora principal foi a Rockstar North, mas o estúdio, assim como outros, prestou apoio.

Grand Theft Auto V se passa na clássica San Andreas e tem seu foco na história de três personagens: os criminosos Trevor Philips, Franklin Clinton e Michael De Santa. Assim, o jogador consegue explorar o mundo aberto de GTA, que tem a trajetória dos protagonistas se entrelaçando cada vez mais.

Red Dead Redemption 2 (2018)

Diferentemente do primeiro Red Dead Redemption, Red Dead Redemption 2 foi desenvolvido pela própria Rockstar Games com os seus estúdios. Isso, é claro, inclui a Rockstar Leeds, uma peça relevante dentro desse quebra-cabeça.

O título é uma prequela do anterior, passando alguns anos antes, mais especificamente em 1899. O foco agora fica em Arthur Morgan, que é um fora da lei que precisa viver em meio ao declínio do Velho Oeste, tudo isso enquanto rivais e o governo o perseguem. Assim como GTA V, esse é um dos jogos mais importantes da empresa, sendo um dos títulos mais vendidos do mundo.

Considerações finais

Como foi possível observar, a Rockstar Leeds, desde sua atuação como Mobius Entertainment, conseguiu oferecer trabalhos significativos para o mercado, principalmente considerando o setor de jogos para consoles portáteis.

Carioca, estudante de Direito, servidora pública e apaixonada por vídeo games, tecnologia e cultura pop em geral. Tenho como hobbies consumir e produzir conteúdos relacionados a esses temas que me interessam, e adoro passar horas adquirindo conhecimento sobre os assuntos que mais gosto, tanto que mantenho um canal no Youtube sobre games há 4 anos. Meu contato com inglês vem de longa data, quando notei que para ter acesso a todo um universo de informações, dominar a língua era fundamental.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui