Hugh Jackman como Wolverine
Hugh Jackman como Wolverine - Imagem: Fox

Sabemos que interpretar super-heróis no cinema pode não ser tão fácil assim quanto parece. Afinal, muitas produções ou atores precisam de dublês para suas cenas mais intensas de ação. Além disso, o treinamento e a dieta para viver certos papéis, também podem ser bem exaustivos. Não é à toa que muitos astros e estrelas tiveram sequelas de algum acidente. Mas parece que a de Hugh Jackman, astro por trás de Wolverine foi bem inusitada.

Durante uma entrevista ao programa “Front Row” da rede BBC,  Hugh Jackman que está se preparando para retornar ao icônico papel de Wolverine em Deadpool 3 falou sobre seu “acidente”. No caso, o ator sofreu um dado permanente em suas cordas vocais ao interpretar o mutante da equipe X-Men. De acordo com o ator, para interpretar o personagem, ele precisava rosnar e gritar muito mais do que era capaz de suportar.

Ao longo de 17 anos, Jackman admitiu que a forma que berrava e grunhia nos filmes deixou sequelas, “Eu fiz alguns danos à minha voz com Wolverine. Meu falsete não é tão forte quanto costumava ser e isso, eu atribuo diretamente a alguns dos rosnados e gritos. Meu professor de canto na escola de teatro teria ficado horrorizado com algumas das coisas que fiz como Wolverine.”

O ator que é capaz de soltar o gogó em ação, participou de alguns musicais como Os Miseráveis (2012) e o Rei do Show (2017), já provou que sabe cantar muito bem. Contudo, devido ao seu empenho no papel do mutante, agora tem dificuldades em acertar certas notas.

Continue depois da publicidade

Além disso, o astro explicou um pouco mais sobre as técnicas para fazer os barulhos sem danificar as cordas vocais. Contudo, na época que ele interpretava Wolverine, não tomou os cuidados necessários, e foi avisado por uma professora de canto sobre o dano.

Na escola aprendemos uma técnica para berrar e gritar sem arruinar a voz. No entanto, na época do Wolverine, fiz isso de uma forma que danificou minha voz, eu acho. Estou cuidando disso. Trabalho com uma professora de canto e tento não me machucar. Coloco muito esforço tanto no movimento físico, quanto na preparação vocal para cada papel.

Bem, estamos torcendo para que essas aulas deem certo e Jackman esteja bem para em fim retornar no papel do mutante em Deadpool 3. No quesito porte físico, o ator já está se preparando, afinal, ainda no começo do ano, compartilhou uma imagem onde treinava pesado para ganhar músculos. Ao todo, serão seis meses puxando ferro sem parar, até o início da produção do novo filme da Marvel que começa ao que tudo indica, em Maio.

O ator que está no auge dos seus 54 anos de idade, até mesmo brincou com seu colega de elenco Ryan Reynolds, que tem 46 anos. Na ocasião, ele diz estar competindo com o intérprete do Mercenário Tagarela, admitindo que terá vantagem por ser mais velho.

Até o presente momento, não sabemos de mais nenhum detalhe sobre a produção do terceiro filme do Deadpool. Desse modo, a única informação confirmada é que esse será o primeiro filme do Universo Cinematográfico Marvel com classificação indicativa R (+18). Ou seja, os fãs não precisam mais ter medo de mudanças drásticas, após a Disney comprar os direitos do filme da Fox.

Com a direção de Shawn Levy (Stranger Things) que reprisa sua parceria com Ryan Reynolds após O Projeto Adam (2022) e Free Guy (2021),  Deadpool 3  estreia no dia 7 de novembro de 2024. Enquanto isso, o filme que terá o roteiro de Rhett Reese (Zumbilândia) e Paul Wernick (Spiderhead), como nas duas produções anteriores, será o retorno de Hugh Jackman como Wolverine após Logan.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui