O terror é formado por várias vertentes, e uma das mais queridas do público é sem dúvidas a dos mortos vivos. Nossa equipe montou uma mega-lista com os melhores filmes de zumbi já produzidos pelo cinema, não deixe de conferir cada um deles.

Desde a primeira metade do século 20, essas criaturas têm espaço mais do que garantido no cinema, na TV e em outras mídias, e esse tipo de produção dificilmente cai no esquecimento por já fazer parte da cultura POP no mundo.

Assim como em todos os tipos de gêneros, existem fases que são muito boas e outras nem tanto, mas com certeza, a década de 1980 foi explosiva para o terror no geral e também para esta vertente.

Os filmes de zumbi ganharam muito destaque nessa época, até por conta dos baixos orçamentos das produtoras, que abusavam do gore mais puro, em histórias cada vez mais malucas, sangrentas e bizarras.

Entretanto, não podemos esquecer dos clássicos, encabeçados por grandes cineastas como George Romero, que foi responsável por definir a estética e vários elementos utilizados até os dias de hoje por Hollywood.

Veja abaixo nossa lista com os melhores filmes de zumbi, onde contemplamos desde as produções mais novas, até os maiores clássicos desse subgênero que é tão querido pelos fãs.

Invasão Zumbi

Invasão Zumbi é considerado um dos melhores filmes de zumbi feitos recentemente e pesar do tema ser bastante explorado, o longa sul-coreano consegue trazer novos elementos capazes prender a atenção com cenas eletrizantes e um ritmo frenético.

Além do bom roteiro e das ótimas cenas de ação, o filme é muito elogiado pelas atuações e pelos ótimos efeitos especiais, sendo extremamente claustrofóbico e elevando os níveis de tensão, até mesmo em ambientes minúsculos.

O filme acompanha a jornada de um executivo obcecado por trabalho e sua pequena filha a bordo de um trem, que viaja de Seul para Busan em meio ao surto de um vírus que se espalha pela Coreia do Sul, transformando toda a população em mortos-vivos.

Invasão Zumbi é produzido por Lee Dong-ha, com direção assinada por Yeon Sang-ho e roteiro escrito por Park Joo-suk. Na Coreia do Sul, o longa registrou a impressionante bilheteria de US$ 11 milhões, sendo que alcançou a marca de US$ 87,5 milhões em todo o mundo.

A produção conta com um ótimo elenco que é composto pelos atores Gong Yoo como Seok-woo, Kim Su-an como Soo-an, Ma Dong-seok como Sang-hwa, Jung Yu-mi como Seong-kyeong, Kim Eui-sung como Yon-suk e Choi Woo-shik como Yong-guk.

Extermínio

Ambientado na Inglaterra, no início do século 21, Extermínio mostra a destruição da sociedade por um vírus que escapa acidentalmente de uma unidade de investigação e infecta quase toda a população inglesa em apenas 28 dias.

Transmitido pela saliva ou pelo sangue, seus efeitos são devastadores, levando os infectados a um estado incontrolável de fúria assassina. Apenas um pequeno grupo escapa da contaminação e tenta encontrar um antídoto para o vírus, enfrentando não só o risco de contágio, mas também outros sobreviventes.

Para piorar a situação, os poucos humanos restantes são acolhidos por um grupo de militares com condutas éticas muito questionáveis. A produção é marcada por cenas bastante violentas, com direito a filhos atirando em seus próprios pais.

Extermínio foi lançado em 2002, sendo dirigido por Danny Boyle e produzido por Andrew Macdonald, com roteiro de Alex Garland. Em 2007 a Stylus Magazine escolheu a produção como o segundo melhor filme de zumbis de todos os tempos.

O elenco é composto por Cillian Murphy como Jim, Naomie Harris como Selena, Brendan Gleeson como Frank, Megan Burns como Hannah e Christopher Eccleston como Major Henry West.

O sucesso do primeiro filme levou a uma sequência, Extermínio 2 que foi lançado em 2007, mas não teve a mesma recepção positiva do longa original. Extermínio com certeza entra para a lista dos melhores filmes de zumbi já feitos pelo cinema.

[REC]

No melhor estilo found footage, com imagens supostamente amadoras e realistas, [REC] se passa durante as gravações de uma reportagem sobre o cotidiano de um quartel do corpo de bombeiros.

Porém, tudo fica extremamente caótico, quando a repórter e seu cameraman decidem acompanhar os bombeiros em um resgate a uma senhora que está presa no seu apartamento.

O edifício acaba se transformando em um verdadeiro inferno depois que uma misteriosa contaminação começa a afetar os moradores. O longa se utiliza da premissa de Noite dos Mortos-vivos de 1968, pois a sensação de espaço limitado está sempre presente.

O fato de ser gravado em primeira pessoa, deixa o tom ainda mais claustrofóbico e assustador, provando que não é necessário ter sangue por todo o lado, nem personagens desmembrados, para se fazer um bom filme de Zumbis.

[REC] é uma produção espanhola lançada em 2007 com direção assinada por Jaume Balagueró e Paco Plaza. O roteiro do longa foi escrito por Jaume Balagueró, Luiso Berdejo e Paco Plaza.

Em 2011 a Fox Searchlight Pictures comprou os direitos internacionais da franquia REC, incluindo seus lançamentos futuros nos Estados Unidos. O filme recebeu três continuações, REC 2, REC 3 e REC 4 e ainda inspirou um game que foi lançado em 2012.

[REC] foi muito bem recebido pela crítica, com 89% de aprovação no concenso do Rotten Tomatoes e quatro estrelas e meia de cinco no Bloody Disgusting que classificou o filme na décima primeira posição na sua lista dos “Top 20 Filmes de Terror da Década”.

“[REC] tem tudo e é provavelmente um dos melhores filmes de terror espanhol na memória recente.”

O elenco de [REC] é composto pelos atores Manuela Velasco como Ángela Vidal, Ferrán Terraza como Manu, Pablo Rosso como Pablo, David Vert como Álex, Martha Carbonell como Senhora Izquierdo, Carlos Vicente como Guillem Marimón.

Madrugada dos Mortos

Madrugada dos Mortos retrata um grupo de sobreviventes vivendo em um shopping center localizado na cidade fictícia de Everett, que está cercada por uma legião de mortos-vivos.

Dawn of the Dead do diretor George A. Romero, com certeza é uma referência para o gênero. Quase 30 anos depois do seu lançamento, Zack Snyder aproveita-se da onda zumbi no início dos anos 2000 para fazer uma releitura do clássico.

Apesar do título em inglês o mesmo, Madrugada dos Mortos não se trata necessariamente de um remake. Apesar de usar os mesmos conceitos de Romero, o longa não tem nenhum personagem do original, e a história segue caminhos bem diferentes.

Ainda na linha de paródias de filmes de terror, o filme brinca claramente com o consumismo norte-americano, ao enclausurar habitantes suburbanos dentro de um centro comercial cercado por zumbis.

O tom utilizado na trama é bastante exagerado, mas cada referência é bem definida e empregada de forma satisfatória. Além de ser dirigido por Zack Snyder, Madrugada dos Mortos ainda conta com roteiro escrito por James Gunn (Guardiões da Galáxia).

O elenco do filme é composto pelos atores Sarah Polley como Ana, Ving Rhames como Kenneth, Jake Weber como Michael, Mekhi Phifer como Andre, Ty Burrell como Steve, Michael Kelly como C.J. e Kevin Zegers como Terry.

Zumbilândia

Esta divertida paródia, provavelmente é um dos melhores filmes de zumbi que vieram com a grande leva desse gênero nos anos 2000.

O conceito é bem parecido com o de outras produções, com a população mundial correndo o risco de desaparecer, enquanto um pequeno grupo de pessoas não infectadas lutam pela sobrevivência.

Porém Zumbilândia consegue trazer um tipo de comédia que funciona muito bem, e apesar de aparentemente despretensioso, trata o assunto com inteligência humorística que é contrastada pelo seu tom sinistro e um tanto quanto maluco, no melhor estilo “Romero”.

Dois meses se passaram desde que uma cepa mutante do vírus que causa o mal da vaca louca dizimou mais da metade da população dos Estados Unidos, transformando as pessoas em zumbis.

Em meio a este caos conhecemos Columbus, um ex-estudante da Universidade do Texas, que deseja voltar para sua cidade natal na esperança de encontrar seus pais ainda vivos. No caminho ele encontra Tallahassee, que está indo para a Flórida com o objetivo de aniquilar o maior número possível de zumbis.

Ao pararem em uma mercearia, a dupla encontra duas garotas, Wichita e sua irmã caçula Little Rock. O problema é que Little Rock aparenta ter sido mordida por um zumbi, o que acaba dividindo o grupo sobre o que fazer ela.

O longa se tornou um sucesso comercial, arrecadando cerca de US$102 milhões ao redor do mundo e se tornando a maior bilheteria de um filme zumbi no gênero de comédia.

Zumbilândia foi dirigido por Ruben Fleischer e produzido por Gavin Polone, com roteiro escrito por Rhett Reese e Paul Wernick. O sucesso do primeiro filme garantiu uma sequência chamada Zumbilândia: Atire Duas Vezes que foi lançada em 2019.

O elenco é formado por Jesse Eisenberg como Columbus Emma Stone como Krista Woody Harrelson como Tallahassee Abigail Breslin como Little Rock Amber Heard como 406, Bill Murray como uma versão fictícia de si mesmo.

A Noite dos Mortos Vivos

A Noite dos Mortos-vivos de 1968 é sem dúvidas um dos melhores filmes de zumbi da história do cinema. Este foi o primeiro trabalho do cineasta George A. Romero, visto pela crítica como o maior representante do gênero.

A produção se tornou um cult muitíssimo aclamado com o passar dos anos, sendo considerada pelos especialistas, como uma dura crítica ao comportamento da sociedade norte-americana.

Além disso, o filme contém diversas cenas de terror explícito que eram extremamente impactantes para a época, incluindo os momentos em que os zumbis devoram os corpos uns dos outros.

George Romero produziu o filme com um orçamento de US$ 114.000 mil, e após uma década de relançamentos cinematográficos, o faturamento total chegou à casa dos US$ 30 milhões ao redor do mundo.

Em A Noite dos Mortos-Vivos, o que causa a transformação dos seres humanos em mortos-vivos é o contato com a radiação, após a queda de um satélite. A história gira em torno de um grupo de pessoas que fica preso em uma casa isolada na zona rural da Pensilvânia, em meio a um ataque mortal dessas criaturas.

Embora não seja o primeiro filme de zumbis da história do cinema, este longa pode ser considerado o grande clássico e o progenitor de todo um subgênero, influenciando diretamente a figura moderna do zumbi na cultura POP.

O elenco principal do longa é formado pelos atores Duane Jones Judith O’Dea, Karl Hardman, Marilyn Eastman, Keith Wayne, Judith Ridley, Kyra Schon.

Todo Mundo Quase Morto

Todo Mundo Quase Morto foi lançado em 2004, conseguindo unir brilhantemente o humor britânico mais sarcástico, com as tradicionais histórias de mortos-vivos. A modesta produção acabou se tornando um dos melhores filmes de zumbi e um cult do gênero.

A história segue os passos de Shaun, um homem perdido na monotonia de sua rotina, podendo ser comparado a uma criatura sem vontade própria. Após confrontar com mortos-vivos de verdade, ele vê a chance de se tornar um herói, salvando seus amigos e conquistando sua namorada de volta.

O interessante é que eles demoram muito para perceber que os zumbis não são apenas pessoas lentas com cara de doente, mas depois que isso acontece passam a matá-los da maneira mais violenta possível.

O filme é extremamente divertido com um roteiro fluido, além de piadas inteligentes e engraçadas. As atuações são outro ponto alto, sendo que o destaque vai para Simon Pegg e Nick Frost.

Todo Mundo Quase Morto foi dirigido por Edgar Wright e o roteiro nasceu de uma parceria entre o diretor e o ator Simon Pegg. O longa foi produzido pela Big Talk Productions juntamente com a Working Title Films e elenco é composto por Simon Pegg, Kate Ashfield, Nick Frost, Lucy Davis e Bill Nighy.

Sem dúvidas Todo Mundo Quase Morto é um dos melhores filmes de zumbi já feitos no cinema. Você que gosta desse estilo de humor mais escrachado, não pode deixar de conferir.

A Volta dos Mortos Vivos

A Volta dos Mortos Vivos começou com a proposta de ser uma continuação de A Noite dos Mortos Vivos de 1968, do cineasta George A. Romero.

Porém, nas mãos do roteirista e diretor Dan O’Bannon, o projeto se transformou em uma divertida homenagem ao gênero e um dos melhores filmes de zumbi dos anos 1980.

O longa é bastante conhecido por introduzir o conceito de zumbis comendo cérebro ao invés de comer apenas carne humana. A obra também é conhecida por sua trilha sonora, que faz uso extensivo de bandas de punk rock.

Além disso, os zumbis parecem ser mais organizados e em um dado momento, um deles alcança o rádio de uma ambulância dizendo: “Mandem mais paramédicos!!”, dando origem a uma cena aclamada até os dias de hoje pelos fãs do filme.

A Volta dos Mortos Vivos conta a história de uma invasão zumbi causada pelo vazamento de um gás usado em um experimento militar fracassado.

Frank tenta impressionar um novo companheiro de trabalho mostrando a ele alguns tambores de origem militar que estão armazenados no porão do prédio. Acidentalmente eles acabam liberando o misterioso gás e causando uma epidemia de mortos vivos.

A Volta dos Mortos Vivos foi dirigido e escrito por Dan O’Bannon, sendo considerado uma das duas sequências da história iniciada em “A Noite dos Mortos-Vivos” e “O Despertar dos Mortos” de George A. Romero.

O elenco é composto por Clu Gulager como Burt Wilson, James Karen como Frank, Don Calfa como Ernie Kaltenbrunner, Thom Mathews como Freddy, Beverly Randolph como Tina, John Philbin como Chuck e Jewel Shepard como Casey.

ParaNorman

Esta bela animação feita em stop motion conta a história do garoto Norman, que possui a incrível habilidade de conversar com pessoas mortas. Essa capacidade é motivo de bullying em sua escola, mas será fundamental para salvar sua cidade de uma antiga maldição zumbi.

Para um filme que pretende agradar o público infantil, a produção se arrisca ao introduzir zumbis realmente assustadores, com diversas partes do corpo caindo e restos de pele se destacando dos ossos.

Apesar do tom bem-humorado, o filme tem o seu lado sombrio e amedrontador, fazendo referências diretas aos clássicos do terror. Essa mistura interessante deu origem a um dos melhores filmes de zumbi, quando se trata de animações.

Mesmo com seu tema um tanto quanto obscuro, a mensagem passada pelo filme é bastante otimista, encorajando a convivência pacífica entre os humanos e as presenças do além.

ParaNorman foi dirigido por Sam Fell e Chris Butler, com roteiro escrito por Chris Butler. O elenco do longa é formado por Kodi Smit-McPhee, Tucker Albrizzi, Anna Kendrick, Casey Affleck, Christopher Mintz-Plasse e Leslie Mann.

A Hora dos Mortos Vivos

Este clássico do terror trash A Hora dos Mortos Vivos ou Re-Animator, é considerado como um dos melhores filmes de zumbi, se tornando um cult bastante famoso por suas cenas de extrema violência com um leve toque de humor.

Inspirado no clássico “Frankstein” de Mary Shelley, e baseado na obra do escritor americano H. P. Lovecraft, o longa conta a história de um estudante de medicina que desenvolve uma substância química capaz de trazer as pessoas mortas de volta à vida.

O longa se tornou um dos grandes clássicos do gênero, que envelheceu muito bem e resultou em duas sequências, “A Noiva do Re-Animator” de 1991 e “Re-Animator: Fase Terminal” de 2003.

A Hora dos Mortos Vivos foi lançado em 1985 com direção assinada por Stuart Gordon e roteiro escrito por Stuart Gordon. O filme foi produzido por Brian Yuzna com trilha sonora composta por Richard Band.

O elenco é formado pelos atores Bruce Abbott como Dan Cain, Jeffrey Combs como Herbert West, Barbara Crampton como Megan Halsey, David Gale como Doutor Carl Hill, Robert Sampson como Dean Halsey, Gerry Black com Mace, Carolyn Purdy-Gordon como Dr. Harrod.

O Despertar dos Mortos

O Despertar dos Mortos é um super clássico que fez escola no gênero, influenciando muitas produções de terror dos anos 80. É o segundo filme de George Romero na série Living Dead, mas não contém nenhum dos personagens ou cenários do aclamado filme de 1968.

O longa mostra em uma escala maior, a histeria em massa causada por uma repentina reanimação dos mortos que se alimentam de carne humana. Agora o destino da humanidade está nas mãos de quatro pessoas que se refugiam em um shopping center.

O Despertar dos Mortos deu origem diversas paródias e referências da cultura POP, e em 2008, foi escolhido pela revista Empire como um dos 500 melhores filmes de todos os tempos, juntamente com A Noite dos Mortos-Vivos.

O roteiro do longa foi co-escrito pelo cineasta italiano Dario Argento em parceria com o próprio Romero, sendo produzido por Richard P. Rubinstein. Como Fã incondicional da franquia, Argento ajudou a financiar o projeto em troca dos direitos de distribuição internacional.

O elenco do filme é composto por David Emge como Stephen “Flyboy” Andrews, Ken Foree como Peter Washington, Scott Reiniger como Roger “Trooper” DeMarco, Gaylen Ross como Francine Parker, Dave Crawford como Dr. James Foster, David Early como Mr. Sidney Berman e Richard France como Dr. Millard Rausch.

Guerra Mundial Z

Brad Pitt interpreta Gerry Lane, um ex-investigador da ONU que aceita a missão de enfrentar uma terrível uma doença misteriosa que rapidamente transforma as pessoas em zumbis.

Ele terá que correr contra o tempo para descobrir as causas dessa grave epidemia, antes que toda a humanidade seja infectada e o apocalipse tome conta do planeta.

O longa tornou-se o trabalho de maior sucesso na carreira de Brad Pitt, com um faturamento acima de US$ 540 milhões, sendo o único projeto com a participação do ator a arrecadar essa receita, superando “Troia” de 2004 e “Mr. & Mrs. Smith” de 2005.

Guerra Mundial Z é baseado no romance “World War Z: An Oral History of the Zombie War” lançado em 2006 pelo escritor americano Max Brooks. O filme é dirigido por Marc Forster, com roteiro escrito por Matthew Michael Carnahan.

Além de Brad Pitt como Gerry Lane o elenco do longa traz ainda os atores, Mireille Enos como Karin Lane, Sterling Jerins como Constance Lane, Abigail Hargrove como Rachel Lane, James Badge Dale como Capitão Speke, Daniella Kertesz como Segen, Elyes Gabel como Andrew Fassbach e Ludi Boeken como Jurgen Wambrurn.

Definitivamente, Guerra Mundial Z faz parte da lista dos melhores filmes de zumbi já produzidos por Hollywood e obrigatório para os fãs do gênero.

Eu Sou a Lenda

Will Smith faz o papel do virologista Robert Neville, o único sobrevivente de uma epidemia provocada pela mutação de um vírus em laboratório. Essa cepa é capaz de transformar as pessoas em zumbis que não suportam a luz do sol.

Por alguma razão, Neville é imune ao vírus e sua vida é dedicada a descobrir uma cura para essa doença e talvez algum dia encontrar mais sobreviventes em uma Nova York que se encontra totalmente deserta.

A produção começou em 2006 na cidade de Nova Iorque, passando por várias locações e incluindo a cena de US$ 5 milhões da Ponte do Brooklyn, a mais longa já filmada na cidade até hoje.

O longa foi dirigido por Francis Lawrence, com roteiro baseado no livro de mesmo nome escrito por Richard Matheson em 1954. A obra teve mais duas adaptações cinematográficas, sendo elas, “The Last Man on Earth” em 1964 e “The Omega Man” em 1971.

Além de Will Smith como Robert Neville, o elenco ainda conta com os atores Alice Braga como Anna, Dash Mihok como Homem Alpha, Charlie Tahan como Ethan Salli Richardson-Whitfield como Zoe Neville, Willow Smith como Marley Neville e Darrell Foster como Mike.

Pequenos Monstros

Dave é um músico que se voluntaria para levar seus sobrinhos, ainda no jardim de infância, para uma viagem de campo. Lá, ele conhece a professora Caroline, pensando que o seu maior problema seria competir por seu amor com Teddy McGiggle.

Porém, uma horda de zumbis escapa de uma instalação de pesquisas nos Estados Unidos e durante um passeio, a classe é atacada pelas criaturas. Agora, eles precisam fazer de tudo para salvar as crianças e manter-se vivos também.

Pequenos Monstros é escrito e dirigido por Abe Forsythe e produzido por Jodi Matterson, Bruna Papandrea, Steve Hutensky, Keith Calder e Jessica Calder, sendo financiado pela Screen Australia e filmado em Sydney.

O filme obteve uma ótima recepção pela crítica especializada, com 80% de aprovação no Rotten Tomatoes, onde o consenso do site diz:

“Liderado por um trabalho tipicamente notável de Lupita Nyong’o, Little Monsters é um híbrido de horror/comédia que prova que o gênero zumbi ainda tem cérebros novos para saborear.”

Além de Lupita Nyong’o como Miss Audrey Caroline o elenco do longa é ainda conta com Alexander England como David “Dave” Anderson, Josh Gad como Nathan Schneider, Diesel La Torraca como Felix, Kat Stewart como Tess, Charlie Witley como Max e Kim Thien Doan como Kim.

Pequenos Monstros consegue renovar o gênero, com alguns elementos bem interessantes e com certeza pode ser considerado como um dos melhores filmes de zumbi feitos recentemente.

Planeta Terror

Planeta Terror faz parte do projeto Grindhouse, que foi criado por Robert Rodriguez e Quentin Tarantino como uma homenagem em forma de paródia, aos filmes de terror trash da década de 1970.

Rodriguez ficou encarregado de produzir, dirigir e escrever o roteiro de Planeta Terror, onde uma arma biológica é liberada transformando milhares de pessoas em zumbis.

Um grupo constituído por uma stripper, um médico, um mecânico e o xerife local, faz de tudo para sobreviver a esta ameaça que pode colocar em risco a vida de toda a humanidade.

A quantidade de vísceras, sangue e membros cortados é impressionante, resgatando o aspecto divertido e excessivo das produções de baixo orçamento daquela época.

O elenco do longa é formado por Rose McGowan, Freddy Rodriguez, Josh Brolin, Marley Shelton, Jeff Fahey, Michael Biehn, Bruce Willis, Naveen Andrews, Stacy Ferguson e Nicky Katt.

Também como parte do projeto Grindhouse, foi lançado o filme À Prova de Morte, dirigido por Tarantino, que mostra um dublê misógino usando um carro para aterrorizar suas vítimas, além de cinco trailers falsos.

melhores filmes de zumbi
Imagem: Planeta Terror/ Reprodução

E aí cinéfilos, depois de todas essas dicas, qual será o primeiro desses ótimos filmes de zumbi a entrar para sua lista?

Então não marque bobeira!!!

Fique por dentro dos clássicos e também das novas produções do cinema em nossa página Proddigital POP e também siga nossas redes sociais Instagram, Twitter, Facebook e Pinterest para não perder nenhuma novidade no universo da cultura POP!!

 

Leia Mais:
Seja avisado
Me avise sobre
guest
0 Comentários
Comentários de trechos do post
Ver todos os comentários